PIERLUIGI COLLINA

Pierluigi Collina dispensa apresentações.

A sua imagem, carisma e perfil, a forma como lidava com jogadores e sobretudo a sua competência concederam-lhe esse reconhecimento na história.

Neste clip, surge a empurrar um jogador, com tom ameaçador. Não uma mas duas vezes.

Não sei se à primeira poderá parecer agressivo. Não sei sei os seus gestos poderiam ser considerados abusivos.

O certo é que essa foi a estratégia que encontrou para sanar um potencial conflito.

Há outros exemplos (basta pesquisar na net) em que Collina gritava, esbracejava, falava alto e duro e até encostava, cara a cara, com jogadores.

Nunca ninguém o condenou por isso. Nunca ninguém o julgou.

Dizia-se: “Com aquele ninguém brinca, é assim mesmo”.

Na verdade, percebia-se o excesso. A ideia era controlar ímpetos, impor autoridade e segurar o jogo.

Não era bonito? Não. Se calhar, não.
Mas resultava? Sim. Sempre.

Acabou a carreira como o árbitro mais respeitado e admirado pelos seus pares, jogadores e o universo do futebol.

Hoje é o Presidente dos Árbitros da UEFA e da FIFA. Só.

Escreva a(s) palavra(s) que pretende pesquisar e pressione "enter"

X