Procedimento em caso de lesão

As leis de jogo são muito claras nesta matéria.

O árbitro tem poderes descricionários para permitir que o jogo prossiga, se entender que um jogador está ligeiramente lesionado.

Por outro lado, deve interrompê-lo de imediato se achar que a lesão é séria/grave. Nesse caso, deve tomar medidas para que ele seja transportado para fora do terreno, assim que possível.

Após entrada da equipa médica, o jogador lesionado pode ser “avaliado” no terreno de jogo, mas tem que ser tratado fora dele.

Quando isso acontece, ele só pode regressar após o jogo ter recomeçado e com a devida autorização do árbitro.

Nota importante:

1. Se a bola estiver em jogo, o atleta só pode regressar pelas linhas laterais;

2. Se a partida estiver interrompida, pode regressar por qualquer linha que delimita o terreno (laterais ou de baliza).

Exceções à obrigação de um jogador lesionado deixar o terreno de jogo

A. Lesão de um guarda-redes (nunca sai);

B. Choque entre GR e jogador de campo, se ambos necessitarem de cuidados médicos;

C. Colisão entre jogadores da mesma equipa, se ambos necessitarem de cuidados médicos;

D. Ocorrência de lesão grave (comoção cerebral, etc);

E. Lesão resultante de uma falta (com contacto físico), pela qual o adversário tenha que ser advertido ou expulso e desde que a avaliação e/ou assistência em campo seja rápida (até 30 segundos).

Outros procedimentos

– O árbitro tem que garantir que qualquer jogador que esteja a sangrar deixe o terreno. Só poderá regressar após autorização e depois de estar assegurado que a hemorragia parou e que não existe sangue no equipamento.

– Quando o árbitro tiver autorizado a equipa médica e/ou maqueiros a entrarem no terreno, o jogador tem de sair, seja em maca ou pelo seu pé. Se não respeitar essas instruções, deve ser advertido (comportamento antidesportivo). Se persistir, será expulso (segundo amarelo).

– Quando o árbitro tenha decidido advertir ou expulsar um jogador lesionado e este tenha de deixar o terreno de jogo para receber assistência, o árbitro deve exibir-lhe o cartão antes deste abandonar o relvado (mesmo que esteja deitado na maca).

– Se o jogo não for interrompido por qualquer outra razão ou se a lesão sofrida não for em resultado de uma infração às leis do jogo, o árbitro tem que recomeçar a partida com um lançamento de bola ao solo, de acordo com a lei.

Escreva a(s) palavra(s) que pretende pesquisar e pressione "enter"

X