OLYMPIACOS – SPORTING

Tal como Doumbia, que cabeceou para golo, também Coates esboçou idêntico movimento. Nesse momento, colidiu com o GR grego, que vinha em sentido oposto. Choque casual para aquela ação e sem infração de parte a parte. Bem avaliado pelo árbitro.

Jonathan Silva teve entrada por trás e muito negligente sobre Carcela. A zona dos tendões de aquiles deve ser protegida ao máximo pelo rigor dos árbitros (tal como tornozelos e joelhos). O lance era passível de cartão amarelo. Viktor Kassai entendeu que o mero aviso verbal seria suficiente.

Rui Patrício há muito que tinha a bola controlada (sob proteção de Coates), quando Odjidja – muito faltoso durante todo o jogo – carregou primeiro o central leonino e depois o GR do Sporting, com um mais que evitável (embora subtil) toque com o joelho esquerdo na cara do Rui.

O lance encerrou claro comportamento antidesportivo e devia ter sido punido com amarelo.

 

Coates faz carrinho para tentar evitar o perigo do lance para a sua área. Apesar de não tocar na bola (foi o avançado do Olympiacos que a jogou), não parece igualmente ter cometido qualquer infração sobre o jogador grego. Lance aparentemente bem avaliado pelo árbitro húngaro.

 

Bruno César (que ainda introduziu a bola na baliza adversária mas já com o jogo há muito interrompido), parece ter carregado o defesa do Olympiacos, prendendo-lhe, com a sua perna direita, o pé esquerdo daquele. Poderá ter havido igualmente toque nas costas com o braço mas não há nenhuma imagem que o confirme.
Lance aparentemente bem decidido.

Escreva a(s) palavra(s) que pretende pesquisar e pressione "enter"

X