O LANCE DE MAXI PEREIRA

Maxi usou o seu braço esquerdo para travar a passagem de Peña.

Este incidente, até por ser atípico, merece uma análise mais detalhada:

  • Por um lado, percebeu-se pelas imagens que houve infração óbvia, que devia ter sido sancionada disciplinarmente. Percebeu-se também que a ação do lateral foi deliberada;
  • Por outro lado, não foi claro que essa atitude tenha configurado uma clara conduta violenta. Ou seja, nas imagens que vimos (e revimos) não é totalmente evidente o que Maxi tentou fazer: obstruir ilegalmente a progressão de Peña ou atingi-lo de forma grosseira e/ou violenta?

Honestamente, não consigo fazer esse juízo de valor com certeza total. E se colocarmos clubismos à parte, penso que estaremos de acordo quanto a isso.

Este lance reforça a ideia que há muito vos tento passar: por vezes, não há carimbos.

A linha entre o limite máximo da incorreção e o limite mínimo da agressão é muito ténue.

Certo, certo é o seguinte: no mínimo dos mínimos, este era lance para amarelo por comportamento antidesportivo.

Certo também é que se o árbitro tivesse optado pelo vermelho direto, ninguém poderia por em causa a justiça dessa interpretação.

Percebe-se o motivo pelo qual o VA não poderia apoiar aqui o seu colega: o erro inicial não foi 100% evidente.

Escreva a(s) palavra(s) que pretende pesquisar e pressione "enter"

X