JORGE DE SOUSA REVELA PRENDAS

Depois de muitas polémicas num passado recente, os árbitros continuam a ser obrigados – e bem – a declarar no seu relatório de jogo as ofertas simbólicas que recebem das equipas.

Segundo o site do jornal A Bola, o árbitro Jorge Sousa declarou que recebeu uma lembrança regional do D. Chaves e uma camisola do clube, oferecida pelo SL Benfica…

Isto tornou-se do conhecimento público porque a FPF – por uma questão de transparência – decidiu divulgar o teor dos relatórios das equipas de arbitragem.

A oferta de prendas de valor simbólico é uma prática reiterada há anos: quase todos os clubes, enquanto visitados, entregam à equipa de arbitragem, a delegados e observadores e até aos seus adversários (que muitas vezes presenteiam com almoço/cocktail de boas vindas) uma prenda, geralmente ligada ao clube, à sua história ou cidade.

A pergunta é: esta prática é aceitável ou era preferível terminar com estes gestos?

Escreva a(s) palavra(s) que pretende pesquisar e pressione "enter"

X